Translate

Event Detail

A importância da cultura avaliativa na implantação, nos resultados e na transparência das políticas públicas
Desenvolvimento de Capacidades de Avaliação
Online
Organizado por Logos Consultoria
Co-organizado por Observatório de Segurança - Prefeitura Municipal de Niterói
Resumo
Será organizada uma mesa redonda plural composta com especialistas em avaliação de políticas públicas para dialogarem sobre definições e práticas de monitoramento & avaliação e como desenvolver uma cultura avaliativa no âmbito das políticas públicas, com foco em municipalidades e na sua integração com os Objetivos do desenvolvimento Sustentável (ODS).
Detalhes do evento
Data: June 3
Hora: 10:00 AM
Duração: 2 hr
Localização
Event Venue: Webinar - Google Meet
Localização do evento: Inscrição no link: encurtador.com.br/jzAIW
Município/Concelho: Niterói
Orador / Facilitador / Instrutor
Nome
Taiana Jung
Organização
Logos Consultoria
Título
Mestre
Perfil Curto
Atua há 15 anos orientando e realizando consultoria técnica em planejamento estratégico, monitoramento e avaliação por meio de processos participativos. Mestre em Estudos Populacionais pela ENCE/IBGE, Mediadora de Conflitos pela EMERJ.
Nome
Luciano dos Santos
Organização
Observatório de Segurança - Prefeitura Municipal de Niterói
Título
Especialista
Perfil Curto
Estatístico UERJ. Coordenador do Observatório de Segurança - Prefeitura Municipal de Niterói
Nome
Vitor Azevedo Pereira
Organização
PUC
Título
Doutor
Perfil Curto
Economista pela PUC-Rio . Mestre em Economia pela PUC-Rio e pela University of Maryland, College Park em 2011. No doutorado avaliou o impacto do programa Renda Melhor Jovem do Governo do Estado.
Nome
Daniel Misse
Organização
UFF
Título
Doutor
Perfil Curto
Professor Adjunto do Departamento de Segurança Pública (InEAC/(UFF). Experiência docente, de pesquisa e no serviço público nas áreas de Ciências Sociais e Direito, em especial Políticas Públicas e Sociais, Segurança Pública e Direitos Humanos.
Sobre Logos Consultoria
Ao aliar conhecimento técnico com a habilidade de engajar pessoas por meio de processos participativos, a Logos, desde 2008, oferece soluções customizadas a seus clientes, “produtos que fazem a diferença e não produtos de prateleira”. Por isso, os resultados são aderentes e transformadores tanto para as organizações como para as pessoas que são impactadas pelas suas ações.

A escolha do nome da empresa refere-se também a esse poder transformador o qual reside suas crenças. Na teologia, Logos significa “o verbo que se fez carne” e na filosofia o “conhecimento”. Um encontro dicotômico entre subjetividade e objetividade e que podem contribuir para encurtar as distâncias entre as diferenças.